PSICOLOGIA DA MODA

A primeira impressão é a que fica?

Sim, a primeira impressão é a que fica! Hoje vamos conversar sobre como tomar cuidado para não passar uma imagem diferente da que você realmente gostaria de passar. Lembra que no post “PSICOLOGIA DA MODA: DE QUE FORMA, VOCÊ É PERCEBIDO(A) PELA ROUPA QUE VESTE” https://autoimagempositiva.com/?p=417 eu disse que faria uma nova publicação falando um pouco mais sobre essa questão? Então, vamos lá que temos muito o que conversar. 

 

Primeira Impressão

primeira impressão
Fonte: Pinterest

A primeira impressão pode ser entendida como a idéia que uma pessoa têm de você, na primeira vez que ela te encontra. Já exitem pesquisas que mostram que em uma fração de segundo, o nosso cerébro grava uma impressão.  Pode acontecer de ser uma imagem deturpada de quem você realmente é, pois como já expliquei, tanto a forma como você se vê, quanto a maneira que o outro lhe percebe, são simbologias. 

Quando você tem tempo e convive com essa pessoa por um período maior, essa percepção pode ser mudada, embora, levará um tempo. Lembra do exemplo que eu falei da minha amiga que pensava que eu era metida, mas que, com o tempo e a convivência ela viu que não era nada disso? Provavelmente durante um bom tempo eu era a “garota simpática que parecia metida”.  A grande questão é quando não temos esse tempo, como em uma entrevista de emprego. O que fazer?  Aos interessados em mais informações acerca da formação da primeira impressão, indico o artigo A neural mechanism of first impressions, de Daniela Schiller. https://www.nature.com/articles/nn.2278

Cuidado com sua imagem pessoal

primeira impressão
Fonte: Pinterest

Quando você está em uma entrevista de emprego, é claro que você será avaliado por várias coisas, como competências, habilidades, experiências, formação, dentre outros. No entanto, aquela famosa frase “vista-se para ser ouvido”, deve ser levada em consideração. Temos que lembrar sempre que a fala, foi a última a chegar no processo de desenvolvimento e evolução humana, talvez por isso, primeiro as pessoas nos veêm e só depois nos ouvem.

Uma vez, quando ainda trabalhava como psicologa Organizacional, participei do processo de avaliação psicologica para vaga de Advogado juridico de uma grande empresa. Tanto as mulheres, quanto os homens, chegavam para avaliação, extremamente bem vestidos, impecáveis, ao longo da carreira eles aprenderam muito bem como o visual é importante. Então ali, o que realmente seria avaliado, eram as capacidades técnicas e compotamentais, pois a imagem pessoal, já havia sido muito bem preparada. 

Nossa imagem pessoal é extremamente importante para alcançarmos objetivos em nossas vidas, sejam eles profissionais ou pessoais. Então, se você têm uma entrevista de emprego ou vai sair pela primeira vez com uma pessoa, é obvio que você queira causar uma boa impressão. Para tanto, é imprescindível saber o “dress code” do local. Assim sendo, se é uma entrevista para um cargo no setor juridico em uma determinada empresa, você precisa apostar em uma vestimenta mais formal, pois normalmente é assim que pessoas que atuam nesse setor se vestem.

Se for de terno, por exemplo, não pegue aquele terno que você usou para ir no casamento do seu irmão há 5 anos atrás e que depois do mesmo, você engordou uns 5 quilos… Se você só tiver esse terno e no momento não pode investir comprando um novo, prefira ir com uma camisa que tenha um tecido bacana, sob medida, uma calça jeans e uma gravata imponente. Pode ter certeza que você causará uma impressão muito melhor do que usar um terno que não te deixar a vontade, que ficará visualmente claro que está pequeno em você e não causará a impressão que você deseja. 

O que você veste impacta na sua capacidade cognitiva

cérebro
Fonte: Pinterest

Em segundo lugar, lembre-se sempre que para causar uma boa impressão, você precisa se sentir bem com o que esta vestindo. Caso contrário, você dispenderá energia com o que não importa, pois, seu cerébro focará nisso: (estou sem movimento… Essa calça esta me apertando… O botão não fechou direito… Será que a pessoa que me entrevista esta vendo?). Nosso cérebro não aceita incongruência, já falei sobre isso em posts anteriores. Se sentir confortavel, confiante, com estima elevada são sensações importantes para se sair bem em determinadas situações. 

Pensa em você no seu dia a dia, quando você vê uma pessoa arrumada, vestida impecavelmente, o que passa pela sua cabeça? Provavelmente, será dessa forma que você se sentirá quando estiver vestido daquela maneira, pois incorporamos os significados não verbais de determinadas vestimentas. Então, para não correr o risco de causar uma primeira impressão ruim, diante de situações como as listadas no post, reserve um tempo para selecionar uma peça que faça você se sentir confiante, capaz e preparado para as demandas diárias, dessa forma, você usará sua energia para mostrar suas habilidades técnicas, comportamentais e intelectuais. “As vezes o que você precisa para chegar onde almeja, é só investir um pouco mais na sua imagem pessoal. 

Abraços e até o próximo post. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *